18 de junho de 2008

A IMPORTÂNCIA DOS PAIS


"Você me diz que seus pais não lhe entendem,
mas você não entende seus pais...
Você culpa seus pais por tudo e isso é absurdo.
São crianças como você.
O que você vai ser quando você crescer?"
(Renato Russo)

Está mais do que comprovado: filha que trata mal o pai irá tratar mal o marido, e filho que trata mal a mãe, tratará mal a mulher. Não sou eu que disse isso, essa tese é a mais comentada entre os psicólogos e parece que é desse jeitinho que as coisas andam funcionando0 e claro como uma grande consequência: o aumento de separação matrimoniais.
Não dá para culpar os pais de um adulto pelos caminhos que ele decide trilhar. O ser humano torna-se livre para optar o que acha melhor, seguindo os rumos que os pais consideram dignos de viver ou não.
Mas a questão é: culpar os pais pelos seus erros e problemas? Jamais... culpar sim a sociedade que está muito "liberalzinha" pro meu gosto e que acha lindo chama-los de tolos, loucos e tudo mais.
Não que eu seja um exemplo de filha e em algumas vezes não conseguir demonstrar o sentimento de amor que sinto aqui dentro por eles, mas eu sei do valor dos meus pais. E admiro muito meus guerreiros. Aqui em casa nunca me faltou nada, sempre que preciso estão eles de braços abertos, dando carinho, dando amor, dando conselho. Cada pai é diferente, e temos que saber lidar com esses guerreiros que têm muita experiência de vida pra nos contar.

Eu amo os meus, e vocês?

*Que fique claro que estou falando de pais presentes e não daqueles que abandonam os filhos por qualquer boteco na esquina*

1 comentários:

Aninha disse...

.:``:. olha o Sr Wilson e a dona Laura, chique no úrrrtimo. eu também amo mt meus pais e sei que vão fazer mta falta, bjinmm .:``:.