6 de novembro de 2008

ANIMAIS EM CIRCO OU ANIMAIS SEM CIRCO

Infelizmente tenho lido e visto bastante coisas nos últimos dias que tem me deixado bem triste! A questão é: "ter ou não ter animais em circo?"
Não estou aqui fazendo um apelo ou uma apologia! Muitos sabem do meu envolvimento com o mundo circense, e pra mim essa arte é a mais perfeita, a mais encantadora e a mais cativante de todas. Sei que tal ponto minha opinião não vale, mas não custa nada deixar meu esclarecimento a respeito do assunto. Não falo pelo fato de ter um amor circense, mas sim por admirar o trabalho, a linguagem, a transmissão do saber e a expressão corporal. Hoje, nesse exato momento, o circo corre o risco de sumir do mapa.

Costumo ler muitas obras a respeito e é mais do que óbvio que gerações tradicionais circenses sempre tiveram animais e se apresentando com eles. Claro que nem todas as famílias e nem todos os circos são iguais. Existem circos muito pequenos que não tem estrutura nem pra ter artistas trabalhando, imagine animais. Esses, infelizmente maltratam e sem sombra de dúvidas estão sujeitos a abandona-lós em qualquer canto. Mas sei também que existem muitos que consideram os bichos como membros da família, e os amam muito!

Tudo na vida é feito de opções. Ter ou não ter animais convém ao bom senso dos donos de circo. Alguns não têm, porque a família não tem tradição em domar animais. Para manter um animal sai caro e as despesas são grandes! Outros não têm mais porque acabam doando pelo simples fato de não suportam a pressão das ONGs. Outros têm e continuam lutando por eles. Até aí tudo bem!
O que não é aceitável é que por trás de tudo isso existem pessoas que ontem diziam ser tradicionais de circo, defendiam em programas de televisão, ganhavam dinheiro e hoje já estão tentando se promover, prejudicando e sujando o nome de toda uma classe milenar, caindo no verdadeiro "conto da sereia" e ainda fazendo um apelo para todos se juntarem a uma campanha ridícula. Sei que não sou a pessoa ideal pra falar sobre o assunto e muito menos julgar alguém.

A campanha "Circo sem animal é mais legal", uma frase clichê que para muitos que não têm em mente sobre o assunto é até razoável e acham que em todos os circos sem excessão existem maus tratos, mas para quem entende, quem ama, quem alimenta, quem dá a vida por esses animais sabem que não passa de uma verdadeira jogada de marketing e que sempre vai haver alguém no TOPO ganhando muito com tudo isso.

Amo o circo em sua mais variada forma, com ou sem animal, com ou sem arquibancada, com ou sem lona. O lance é ter RESPEITO, é ter UNIÃO. Nessa luta as ONGs se mostram muito mais confiantes e muito mais unida, enquanto a classe circense esquece da suas origens. Então galerinha lute pelo direito de vocês! Só assim terão o retorno que merecem!

3 comentários:

Lilian disse...

Olá Marcela. Está tudo bem?
O que foi passado domingo no Fantástico deu pra população se conscientizar de um assunto não muito agradável. As imagens foram chocantes e foi muito cruel ver aquele moço batendo nos animais.
Não sei o porque de só agora isso estar acontecendo e o porque de uma emissora que nem a globo que incentiva a arte circense, estar passando algo tão banal desse tipo. Existem muitos problemas com animais, os quais ninguém passa. Muitos até exibem casacos de pele em novelas.
Mas foi o que você disse, quem não estã no meio, não sabe o que acontece. E fica difícil você pedir ajudar para a população sendo que nem mesmo os circenses estão unidos nessa. Quando tem uma babata podre no meio do saco todas elas apodrecem.
Não sou a favor de animais em circo, de burros carregando carroças, de gatos virando comida em restaurantes finos. Mas acho que todos tem o direito de se defender, e principalmente defender o pão que muitas familías já foram sustentadas.
Não precisa poribição e sim fiscalização. Os animais saem do circo e vão ficar presos em zoológicos, e os donos ficam ricos cobrando as entradas, não é mesmo?

Amei seu blog! Está de parabéns.

Dress@ disse...

oii mahhhzitaa...... eh dificil opinar sobre esse assunto, mas eu morando fora do país sei que aqui o circo eh reconhecido,tem numeros lindos com animais, eh uma febre... eu pelo menos soh em circo tive a oportunidade de ver animais de perto.

Inside Me disse...

boa demais a maneira como vc abordou asituação, o que eu sou terminantemente contra é aos maltratos de animais, é de dar dor no coração, cada barbárie que só vendo, muito embora tb passe na tv babás (que deviam cuidar) batendo em bebês e até em idosos e deficiente físicos, e nem por isso vão acabar com babás por uma meia dúzia safada que num vale o prato q come! na questão do circo eu mesma votei contra já que não tem fiscalização, melhor não tê-los lá, mas estamos vendo apenas a ponta do iceberg, só Deus pra dar um jeito nesse mundo que parece mais um trem desgovernado! temos a impressão de estarmos tentando enxugar gelo =/ o que é uma pena...